Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Ampliação do Centro de Convenções impulsiona turismo de negócios em Alagoas
07/11/2017 - 15h00m

Ampliação do Centro de Convenções impulsiona turismo de negócios em Alagoas

Renan Filho assina ordem de serviço para início das obras, com a expectativa para abertura de quatro novas unidades no interior

Ampliação do Centro de Convenções impulsiona turismo de negócios em Alagoas
Texto de Petrônio Viana

Consolidado como um dos principais destinos para o turismo de férias no Brasil, Alagoas busca agora tornar-se referência no segmento de eventos e negócios no Nordeste, a partir dos investimentos feitos pelos governos estadual e federal no setor. Uma das obras incluídas nesse leque de investimentos teve sua ordem de serviço assinada nesta terça-feira (7) pelo governador Renan Filho: a ampliação do Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió.

 

O projeto prevê a construção de um novo auditório com capacidade para mil lugares, três salas especiais e um edifício garagem com 226 vagas de estacionamento, a partir de um repasse de R$ 16,8 milhões do Ministério do Turismo para a Secretaria de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico (Sedetur). Na avaliação do governador Renan Filho, a ampliação do Centro de Convenções junta-se a outras iniciativas que reforçam a infraestrutura do turismo em Alagoas, favorecendo o aumento no fluxo de turistas.

 

“Esse é um investimento que prepara Alagoas para o turismo de negócios. Alagoas tem um potencial muito grande nesse segmento. Maceió tem uma boa rede hoteleira, que se moderniza. Agora mesmo estamos construindo 20 hotéis ao mesmo tempo. Todo mês inauguramos um hotel. E vamos continuar trabalhando para potencializar ainda mais esse segmento, que é uma das principais vertentes para o nosso desenvolvimento”, observou Renan Filho.

 

“Nosso Centro de Convenções promove o turismo do Estado. Em 2018, teremos alguns dos maiores eventos do País acontecendo em Alagoas, como os encontros nacionais de Oftalmologia, de Arquitetura e Engenharia, a SBPC, o maior evento de pesquisa, ciência e inovação do Brasil. Eventos importantes para gerar empregos, atrair investidores para Alagoas e apresentar nossas belezas naturais. Quem vem para um evento como esse, sempre volta trazendo a família para conhecer um pouco mais de Alagoas. Esse é um investimento importante, que a gente vinha trabalhando a um bom tempo e agora vamos concretizar. Os recursos eram de 2013, mas não havia projeto. Fizemos o projeto, licitamos e está tudo pronto para a obra ser iniciada. Ela não será demorada e não impedirá o pleno funcionamento do Centro de Convenções”, lembrou Renan Filho.

 

O ministro do Turismo, Marx Beltrão, ressaltou a importância econômica da atividade para Alagoas e destacou a iniciativa do governador Renan Filho em retomar o projeto de ampliação do Centro de Convenções. De acordo com o ministro, outros quatro centros estão previstos para serem construídos em Alagoas, sendo dois já em obras.

 

“É preciso enaltecer o trabalho do governador por ter a responsabilidade de fazer uma obra tão antiga e tão sonhada pelo trade turístico do Estado de Alagoas. Hoje, a cada dez turistas que viajam pelo mundo, três viajam a negócios. E Alagoas poderá receber mais feiras corporativas, eventos; aumentando o fluxo de turistas e, consequentemente, fomentando mais a economia e gerando mais renda. Além do Centro de Convenções de Maceió, nós também temos o da Barra de São Miguel e o de Penedo, que já estão em construção. Em breve, será iniciado o de Arapiraca e o de Maragogi também já está em fase de contratação. Assim, em todas as regiões do Estado, teremos a estrutura necessária para que o turismo de negócios avance”, disse Beltrão.

 

Segundo o presidente do conselho do Maceió Convention Bureau, Glênio Cedrim, os investimentos do Estado no turismo de negócio e eventos têm seus efeitos sentidos principalmente durante a baixa temporada do turismo de férias. “Essa era uma demanda do trade turístico para que pudéssemos trabalhar outros tipos de eventos na cidade, diminuindo a sazonalidade do turismo de sol e mar. Nos próximos seis meses, Alagoas vai ganhar 2.200 novos leitos, com a inauguração de sete novos hotéis e o Centro de Convenções será fundamental para os meses de março a junho e de agosto a novembro, atraindo um turista qualificado, que traz mais recursos e retorna ao Estado com sua família em outras oportunidades”, avaliou.

 

O secretário de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico, Rafael Brito, afirmou que, de junho a dezembro deste ano, o Centro de Convenções terá recebido mais 82 eventos de médio e grande porte. No ano todo esse número chega a 163. “De acordo com uma pesquisa da Fundação Getúlio Vargas [FGV], o turista de negócios gasta quatro vezes mais do que o turista de lazer. Nesse sentido, é muito importante que o Governo do Estado, em parceria com o trade, invista na melhoria da estrutura de Alagoas para atender a este público, oferecendo uma experiência completa que atraia cada vez mais visitantes. Fazendo isso, geramos renda e emprego para centenas de alagoanos”, destacou o secretário.

 

Responsável pela execução da obra, o secretário de Estado da Infraestrutura, Humberto Carvalho, garantiu esforços para que as melhorias no Centro de Convenções sejam concluídas no menor espaço de tempo possível. “Nossa preocupação é sempre utilizar os recursos estaduais e federais da melhor forma e entregar os empreendimentos dentro dos prazos estabelecidos. É um projeto bem feito, que atende todas as exigências da legislação. O orçamento para essa obra era de R$ 20 milhões. Ela acabou sendo contratada por R$ 16 milhões, gerando uma economia que possibilite entrega-la melhor equipada”, explicou Carvalho.

 

Crescimento do turismo

 

Em entrevista concedida à imprensa antes da assinatura da ordem de serviço, o governador Renan Filho enumerou as razões pelas quais o Estado de Alagoas tem apresentado um desempenho superior a outros estados do Nordeste quanto ao aumento no fluxo de visitantes e de investimentos em infraestrutura turística. As iniciativas, de acordo com Renan Filho, passam pela união de esforços do poder público e da iniciativa privada, incentivos fiscais e da implementação de políticas públicas eficientes em áreas como segurança e saneamento básico.

 

“Alagoas sempre teve essas belezas naturais representativas. Nos últimos tempos, nós melhoramos nosso aeroporto, reduzimos as cobranças sobre o combustível para aeronaves e temos ao nosso lado dois ministros que colaboram: o ministro do Turismo Marx Beltrão e o ministro dos Transportes Maurício Quintella. No Governo do Estado, temos feito um trabalho árduo para a redução da violência, que tirou Alagoas do noticiário negativo, de ser o Estado mais violento. Isso não tem preço. Maceió passou 10 anos seguidos como a capital mais violenta do Brasil. Em dois anos, caiu para o oitavo lugar. A redução da violência é um dos fatores que explicam muito bem a vinda de mais pessoas para Alagoas e o fortalecimento do turismo”, ressaltou o governador.

 

“Outro fator fundamental para o nosso desempenho é a grande capacidade da iniciativa privada, do trade turístico alagoano. Temos grandes empresários, o parque hoteleiro mais moderno do Nordeste e uma legislação do Prodesin que trata hotel como indústria, que desonera toda a construção de unidades em Alagoas. Coisas dessa natureza estimulam muito o investimento, trazem novos investimentos privados. Com o somatório de esforços do investimento privado, dos ministros alagoanos, a redução da violência a melhoria da infraestrutura do Estado, aliada à receptividade do nosso povo, nossas belezas naturais, a qualidade da nossa culinária, a gente tem crescido mesmo na crise. Quando o País voltar a crescer, tenho certeza que o clima vai ficar ainda melhor para o nosso Estado”, comemorou Renan Filho. 

 

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

ouvidoria.png

banner-transparencia.png

Órgãos Vinculados

Casal

 

DER-AL

 

Serveal

Integra

Diário Oficial

cpl.jpg