Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 'É a primeira grande obra do Programa de Esgotamento Sanitário de Alagoas', diz secretária
14/09/2016 - 19h00m

'É a primeira grande obra do Programa de Esgotamento Sanitário de Alagoas', diz secretária

Obra tem início nesta quinta-feira (15) e contempla cerca de 160 mil moradores da parte alta de Maceió

'É a primeira grande obra do Programa de Esgotamento Sanitário de Alagoas', diz secretária
Texto de Myllena Diniz

A obra de esgotamento sanitário da parte alta da capital já é considerada a mais importante de Alagoas, desde que foi lançado o Programa Estadual de Esgotamento Sanitário, no ano passado. Os trabalhos terão início nesta quinta-feira (15), às 10h, durante evento realizado no campo de futebol da Rua Zafira Ataíde Cerqueira, na Cidade Universitária, e contam com R$ 200 milhões de investimento, o maior na história do Estado.

 

Por meio de Parceria Público-privada (PPP), a obra irá beneficiar 160 mil pessoas, diretamente, nos bairros Benedito Bentes I e II, Tabuleiro dos Martins, Santos Dumont, Cidade Universitária, Clima Bom, Santa Lúcia e Antares.

 

"É a primeira grande obra do Programa de Esgotamento Sanitário de Alagoas. Investir nessa área é investir em saúde e bem-estar para a população”, destaca a secretária de Estado da Infraestrutura, Aparecida Machado.

 

Segundo a gestora, o investimento atende a uma das áreas mais importantes da capital alagoana. “A parte alta de Maceió é considerada a área de expansão da cidade, onde estão localizados os maiores empreendimentos habitacionais, e, por isso, a importância dessa obra, que terá os benefícios repercutidos em toda a capital", ressalta a secretária.

 

Em Alagoas, também é a primeira vez que uma obra de esgotamento sanitário é executada por meio de PPP – o Governo do Estado, representado pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), atuará junto à empresa Saneamento Alta Maceió (Sanama). “Damos um importante passo nesse modelo de contratação, que será o melhor caminho para fazermos investimentos nessa área", disse o secretário executivo de Infraestrutura, Humberto Carvalho.

 

A previsão é de que a obra esteja pronta em 2018, com 40 mil ligações domiciliares e 220 km de rede coletora de esgoto, além de estações elevatórias e de tratamento.

 

Programa Estadual de Esgotamento Sanitário

O intuito do Programa de Esgotamento Sanitário de Alagoas é ampliar de 35% para 70% a cobertura de esgotamento sanitário na capital e deixar 100% dos serviços contratados, até 2018. No mesmo período, o Governo do Estado pretende elevar de 19% para 40% a cobertura no interior.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv

banner-transparencia.png

Órgãos Vinculados

Casal

 

DER-AL

 

Serveal

Integra

Diário Oficial

cpl.jpg