Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Obras de esgotamento sanitário são prioritárias para o Governo do Estado
06/01/2016 - 11h13m

Obras de esgotamento sanitário são prioritárias para o Governo do Estado

Municípios contam com apoio da Seinfra para dar continuidade a obras de esgotamento

Obras de esgotamento sanitário são prioritárias para o Governo do Estado

Além da ajuda com captação de recursos, a Seinfra ainda vai auxiliar os municípios, que por ventura precisem de consultorias, com uma equipe técnica de engenheiros. (Foto: Neno Canuto)

Marina Ferro

 

Os municípios com obras de esgotamento sanitário que ainda estão inacabadas ou com entraves para captação de verbas poderão contar com o apoio técnico institucional da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra) para dar continuidade.

 

Esse é um dos eixos a ser trabalhado pela Superintendência de Saneamento em 2016. Além da ajuda com captação de recursos, a Seinfra ainda vai auxiliar os municípios, que, ocasionalmente, precisem de consultorias, com uma equipe técnica de engenheiros.

 

“Muitas vezes eles precisam de um apoio técnico na procura do melhor terreno para executar a obra, por exemplo, e daremos essa ajuda também. O outro eixo é trabalhar junto às prefeituras para a captação de recursos, principalmente para aquelas que já têm obra executada, faltando pouca coisa para ser concluída”, explicou o superintendente de Saneamento, Luiz Neto.

 

No primeiro momento, serão realizadas visitas locais para a elaboração do diagnóstico preliminar. “Vamos observar as cidades que não têm esgotamento sanitário como prioridade e buscar meios de atuar nelas. Sabemos que a rede de esgoto é importante para o desenvolvimento dos municípios e para a saúde da população”, colocou o superintendente.

 

Outro foco a ser trabalhado ainda este ano é a instalação da rede de esgotamento sanitário nos municípios com apelo ambiental, com o intuito de minimizar a poluição dos rios e mares. A Rota Ecológica, que inclui São Miguel dos Milagres, Porto de Pedras e Passo do Camaragibe faz parte do planejamento. Também estão inclusos municípios do Vale do São Francisco e outros que possuam de 20 a 50 mil habitantes.

 

Cidades como Barra de Santo Antônio e Paripueira também têm grande potencial para a implantação da rede de esgoto por conta do movimento turístico em período de alta temporada. “Temos que levar em consideração que essas cidades são pontos turísticos. Em época de carnaval, por exemplo, temos a chamada ‘população flutuante’ que chega a triplicar”, concluiu Luiz Neto.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv

banner-transparencia.png

Órgãos Vinculados

Casal

 

DER-AL

 

Serveal

Integra

Diário Oficial

cpl.jpg