Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Seinfra e Meio Ambiente encontram soluções para 50 casas em Craíbas
16/03/2016 - 19h00m

Seinfra e Meio Ambiente encontram soluções para 50 casas em Craíbas

Secretários articulam implantação do sistema de esgotamento sanitário do Residencial Francisco Antônio Lima, com entrega prevista para este primeiro semestre

Seinfra e Meio Ambiente encontram soluções para 50 casas em Craíbas

Conjunto com 50 casas foram construídas pelo Governo Federal, com contrapartida do Governo do Estado

Texto de Myllena Diniz

Políticas de habitação têm sido um dos principais compromissos do Governo de Alagoas, que tem ofertado apoio técnico e institucional a municípios com entraves burocráticos ou operacionais.

Nesta quarta-feira (16), os secretários de Estado da Infraestrutura, Aparecida Machado, e do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Alexandre Ayres, estiveram em Craíbas, para solucionar os problemas do Residencial Francisco Antônio Lima.

O empreendimento é fruto do Programa Minha Casa, Minha Vida e abriga 50 unidades habitacionais, construídas com investimentos de R$ 1,25 milhão do Governo Federal e contrapartida de R$ 150 mil do Estado.

 Ao subsídio estadual também serão acrescidos R$ 50 mil, oriundos do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), para a infraestrutura de esgoto.

 “O projeto inicial determinava a construção de fossas nas casas, inviabilizadas pelo terreno, por ser muito rochoso. Então, o Estado assumiu o compromisso com toda a tubulação externa para a interligação da rede à Estação de Tratamento de Esgoto”, esclareceu a secretária Aparecida Machado.

Também participou da visita o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Alexandres Ayres, para analisar o destino dos efluentes da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) – o riacho Cacimbinha Salgada – e se certificar de que o sistema não causará impactos ambientais.

 “Nossa preocupação é o lançamento do efluente no riacho, por isso viemos analisar o local. A condicionante é que seja definido o responsável pela manutenção e operação da ETE e que o serviço tenha continuidade, uma vez que, no passado, as estações eram autorizadas, mas não havia a devida manutenção e os efluentes eram lançados in natura nos riachos”, destacou Ayres.

 Segundo Aparecida Machado, a manutenção periódica será feita por meio de uma cooperação entre a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) e o município. A secretária também informou que o sistema de esgotamento sanitário deve ser implantado no prazo de 60 dias, a partir da liberação do orçamento do Estado.

 “Queremos entregar habitações e, acima de tudo, garantir dignidade às famílias. Por isso, temos o cuidado de oferecer condições adequadas de saneamento e atender às exigências dos órgãos de controle ambiental”, enfatizou Aparecida Machado.

 Os secretários também estiveram reunidos com o prefeito de Craíbas, Bruno Pedro; o gerente estadual de assistência técnica aos municípios, Nilson de Andrade; e beneficiários das habitações. Na ocasião, foram apresentadas a situação atual da obra, as diretrizes a serem seguidas e a estimativa para a conclusão do empreendimento.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv

banner-transparencia.png

Órgãos Vinculados

Casal

 

DER-AL

 

Serveal

Integra

Diário Oficial

cpl.jpg